sábado, 22 de junho de 2013

ENTREVISTA II - ENG. GILBERTO VIEGAS AO JORNAL CORREIO DE LAGOS

Para ver a imagem maior:

 

Clique em cima da imagem (botão esquerdo do rato)

 





3 comentários:

salema sem futuro disse...

quem fala assim não é gago
e tão pouco é cobarde como outros o são que só sabem é enviar noticias mentirosas para certos jornais, mas terem a coragem de enfrentar as verdades e as realidades isso é que não tem.
o que melhor sabem fazer é assistirem ao desprezo social pela parte do governo contra pessoas mais desfavorecidas socialmente e grave é assistirem a isso a se rirem.

é lógico que gente deste tipo não tem coragem de dar entrevistas a jornais que publicam o que o entrevistado diz sem destrocer a verdade.

Não sou membro deste partido nem de outro qualquer e tb não sou grande Fan dos políticos deste pais , mas isso não me impede de dar os parabéns ao GILBERTO por esta entrevista,
das negociações que existiam antes de 2009 ou que foram realizadas depois de 2009 pouco sei opu nada sei sobre isso.
mas ao ler esta entrevista e tendo estado presente em varias AM sei que é a mais pura verdade que está presente nesta entrevista em tudo o resto.
Por isso senhor GILBERTO está de parabéns

e o povo apenas tem duas escolhas possíveis

1ª escolher o abismo que tem estado e está á vista.

2ª escolher a alternativa que mesmo que tenha cometido alguns erros no passado é a única alternativa credível .

e deixo aqui uma sugestão ao candidato GILBERTO,
já que muitos por ai o consideram e consideraram tb nas ultimas eleições uma pessoa que se tornou arrogante e sem disponibilidade de receber as pessoas.

a minha sugestão é que seja criado um gabinete de apoio aos residentes deste concelho, onde se possam dirigir e dar largas ás suas queixas,seus pedidos etc etc etc.

este gabinete pode ser criado tb via NET
e mesmo os que não tenham Internet podem sempre escrever numa folha de papel e pedir a alguém que o envie via email.
Não é fácil se estar sempre disponíveis pessoalmente para atender tudo e todos.
é mais fácil se analisar o que foi recebido via net. responder ao que se considera prioritário ,
e se caso seja necessário se marcar então o contacto pessoal.
Isto é fácil de ser criado e assim se estar sempre presente e informado do que se passa com os habitantes deste concelho.
Mas não esquecer o mais importante nada deve ser apagado mesmo o mais insignificante email, tudo deve ser arquivado e guardado
para que quando surja de novo as acusações de se ser arrogante se possa espetar nas ventas de quem o afirma que não é verdade.

Peço desculpas pelo longo texto,
mas hoje em dia é tão simples se estar presente em todo o lado mesmo se estando longe e não é preciso se gastar nenhuma fortuna basta se ter um computador e termos interesse em estar presentes e em ouvir os gritos do povo.
Porque democracia é quando se está no poder pararmos para escutar os gritos do povo que nos elegeu e tentarmos fazer algo para que os gritos se calem.

porque o ignorar os gritos do povo não é democracia e ditadura.


Nós não precisamos de bons oradores ou de engravatados cheios de pinta ou de psicólogos a nos darem lavagem de miolos precisamos sim é de bons gerentes que saibam gerir os bens dos outros (POVO)
e mesmo que saibam gerir mal que pelo menos mantenham o concelho limpo e livre de lixo (e tb de parasitas armados em investidores que vem salvar o concelho)




Anónimo disse...

Palavras para quê?

A seguir ao "Salema sem futuro" ou ao José Manuel até as palavras "ficam de boca aberta"...

Resta dizer ao Gilberto e sua equipa: Força, Vila do Bispo não pode continuar neste marasmo, a bem da sua população e de quem nos visita.

Anónimo disse...

Quer então dizer que o Adelino continua a mentir em plena Assembleia Municipal? É pena estar a trabalhar a essa hora. Claro que o rapaz também faz isso para afastar as pessoas. Por isso é que apareceu em Sagres sozinho.
A ser verdade o que se ouve, para além de 13 ainda tentou meter mais 1 técnico superior. Para diz tanto mal dos últimos 30 anos porque metiam pessoal a montes e agora tenta lá meter 14?
Terá a Câmara assim tanta falta de pessoal com as obras que tem em curso?